quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Maitê Proença põe tudo a nu sobre Portugal na Playboy de Agosto de 1996

Para aqueles que não gostaram do vídeo onde Maitê Proença ridiculariza Portugal e a sua história, aqui ficam algumas fotos da actriz que "debochou dos portugueses" por não terem vergonha em colocar um número de porta ao contrário ou por votarem em Salazar para maior português de sempre.
Acho que ninguém tem dúvidas que colocar um número de porta ao contrário e votar no Salazar (coisa que nunca foi possível enquanto ele esteve no poder) são situações vergonhosas e horriveis. Mas se compararmos essas situações vergonhosas com uma delicada cuspidel, ou com o acto de se exibir nua perante um grupo de idosos, só para aparecer "pelada" na edição da Playboy de Agosto de 1996, é possivel concluir que os portugueses são mesmo um povo "sem vergonha na cara" e uns "babacas" que compram livros de alguém que tem "uma vida inventada", tal como poderão verificar no vídeo que irei postar dentro de momentos.


Maitê Proença na capa da Playboy de Agosto de 1996


Maitê Proença à porta duma horrível tasca portuguesa


Maitê Proença à espera da Ginja que pediu


Maitê Proença exagerou na Ginja portuguesa


Maitê Proença na fila para vomitar


Maitê Proença conseguiu finalmente vomitar


Maitê Proença com dor de cabeça por ter exagerado na Ginja


Indisposta, Maitê aproveita para estabelecer contacto com o pasteleiro de Belém


No dia seguinte Maitê Proença acorda ressacada mas ligeiramente vestida


Maitê Proença vira as costas às suas raízes

8 comentários:

Alberto disse...

Não dou muito tempo para esta senhora ter que voltar a posar nua para ter comida na mesa. Não sei se o que sinto é um sentimento generalizado e partilhado por todos os portugueses mas sinto que fui enganado durante algumas décadas por alguém que admirava e que agora percebo não ser mais que fingimento sazonal que usa quando não tem mercado no Brasil e vem para Portugal ser respeitada, admirada e enriquecer à custa dos "esquisitos" que muitas vezes fazem sacrifícios para assistir aos seus espectáculos ou para comprar o seu livro. A ingratidão é repugnante!!!!!

Juliano Mattos disse...

Partilhado por todos os portugueses não! Somente por aqueles que se deixaram manipular pela comunicação social, que adora inventar polêmica onde não existe.

A maioria, infelizmente, passa a vida a consumir lixo embromático da televisão e ficam inertes, sem capacidade para questionarem o que lhes impingem. Daí resulta toda essa fúria pseudo-justiceira e jingoísta contra a Maitê Proença.

Mas alguns, aqueles que pensam pela própria cabeça e não se deixam manipular facilmente, perceberam que tudo não passou de mais um monumental instigamento à xenofobia por parte da comunicação social, que apresentou o video da Maitê fora do contexto. Isso assemelha-se ao célebre caso do "arrastão" de Carcavelos, que ficou provado nunca ter existido.

Abram os olhos e usem as funções intelectuais de que dispõem!

Anónimo disse...

Na realidade nao poderia estar mais de acordo. Durante anos também eu cultivei uma simpatia ternurenta por esta pessoa. Afinal como em tudo na vida, que é feita de momentos, também ela se revelou num dos seus momentos. Não compreendo é a defesa que algumas pessoas fazem desta pessoa... Será que tragam qualquer ofensa? Ou será porque já a tragaram a ela (maite) também? Será que alguem gosta de ser apelidado de bronco, de estúpido, de ignorante, esquisito?...Será que ao menos, esta ignorante, no pedestal da sua sapiência, sabe o significado da palavra esquisito? Por mim, pode ter a certeza, onde estiver, os meus olhos não estarão, a não ser que a dita senhora surja em Lisboa, diante dos Jerónimos, com uma corda ao pescoço e implorando perdão.

Anónimo disse...

Senhor Juliano Mattos, eu estou de acordo quando diz que as pessoas se deixam manipular pela C. Social. E então o Sr? Porque fala do arrastão se revela desconhecimento do que se passou na altura? Conhece por acaso a linha de Cascais e a linha de Sintra? É que se conhecesse, certamente não falaria assim. Pois olhe que coincidência, eu estive lá, presenciei o fenómeno, e assisti posteriormente a uma campanha montada propositadamente por entidades do governo, da polícia, para camuflarem o sucedido. Com que propósito? Evidentemente que está na cara... E por favor não fale em xenofobia, sabe porquê? Porque felizmente para mim, e mais para si, estamos num país livre... e que não se sente bem, tem sempre as portas abertas para poder sair. Infelizmente, as portas também se encontam sempre abertas para se poder entrar...

Anónimo disse...

O povo brasileiro é culto e muito erudito.
Realmente só um burro de um Português para colocar um número de uma porta ao contrario, deviamos organizar excursões às favelas brasileiras para aprender como a construção pode ser organizada, e o planeamento urbanistico se deve fazer.
O contingente de emigrantes brasileiros neste país tem sido fundamental para o seu desenvolvimento. As brasileiras trouxeram às casas de alterne novas práticas sexuais que revolucionaram o mercado do sexo. Os Brasileiros trouxeram a banda larga para este país a vender porta a porta TV Cabo, ou contribuem para nutrição dos Portugueses vendendo hamburguers nas cadeias de fast food. São todos uns Catedráticos

Duque disse...

Maite Proença numa horrível tasca portuguesa!
Tenham vergonha quando falam mal dos portugueses!!!
Somos povo acolhedor e ela fez o video porco, que todos nós conhecemos, sobre os portugueses e os nossas coisas que não soube respeitar!
Tenham vergonha... horrível tasca uma merda! PQP!!!

Anónimo disse...

Quem é éssa gaja? Porra que tem um belo corpinho.

Anónimo disse...

maite e e senpre vai ser meu sonho erotico na minha vida todos os dias mim mastubo pensando na maiter.eu gostaria de ganha de vcs a revista da maiter nua de presente para um eterno apaixonado e fa de mulher.mue endereca e bom conselho,ce 55330000,rua profesor joadir soares n 09.